Mab fortuna é a empresa ideal, possuímos amplo conhecimento e experiência de mais de 25 anos no setor têxtil. Somos especialistas na Instalação de Equipamentos das mais conceituadas marcas do mercado com o objetivo de sempre atender as necessidades de nossos clientes oferecemos um atendimento Premium para todo o país. Possuímos uma equipe de técnicos altamente especializados para atender a sua indústria, com agilidade, segurança e eficiência. Oferecemos soluções tecnológicas que promovem a inovação e maior produtividade nos processos produtivos do setor da indústria têxtil e vestuário. 

 

SERVIÇOS

Oferecemos os serviços necessários para a realização de investimentos com retorno garantido.

Valores agregados:

– Tecnologia e inovação

– Produtividade e Lucratividade

– Confiabilidade e Durabilidade

A MAB Fortuna é uma empresa com amplo conhecimento e experiência há mais de 25 anos em maquinas, software e equipamentos de alta  tecnologia para o setor têxtil. 

É especialistas em suporte técnico, Instalação e treinamento de Equipamentos das 2  marcas que representamos: Automatisa e Barudan. 

Com equipe qualificada  e autorizada pelo fabricante  atende as necessidades do mercado oferecendo soluções in company e remoto . 

  

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO 

Das 08h às 18h:00min, de segunda a sexta-feira, exceto feriados. 

Entre em contato:  (43) 34232244 / 999360705 ou  emailsuportetecnico@mabfortuna.com.br 

  

ATENDIMENTOS PRESTADOS 

  • Assistência técnica in company e remota de plotter, Cadenfestadeiras e maquinas de corte automático, 
  • Maquinas de bordar, equipamentos de laser e ponte laser. 
  • Instalação, reinstalação  e suporte de software remota; 
  • Realizar instalações de novos produtos e acessórios; 
  • Treinamento operacional in company  de todos equipamentos e software fornecidos . 

Precisando instalar ou reinstalar Equipamentos na sua indústria de confecção?

LASER GRAVAÇÃO E CORTEBORDADO COMPUTADORIZADO

Dica 3: GUIA PARA REVISÃO GERAL EM MÁQUINAS BARUDAN
Revisões são importantíssimas para os equipamentos de bordar. A ação de poeira, umidade e desgaste podem causar sérios danos ao equipamento. Revisões são preventivas e visam verificar pontos estratégicos da máquina, limpando-os e lubrificando-os. Por exemplo, o conjunto motriz do pantógrafo que deve ser desmontado de tempos em tempos para se retirar poeira, restos de linha e também ajustar e lubrificar correias.
Além do grande benefício que uma revisão traz ao equipamento, um outro fator importante é também a própria consultoria que o técnico presta ao longo do serviço, mostrando mais uma vez os pontos de lubrificação, regulando a máquina e tirando todas as dúvidas que venham a existir. Estas revisões somente poderão ser feitas por técnicos da Barudan ou representantes que dispõem de instrumentos para realizar o serviço.
Sem dúvida nenhuma, é muito melhor prevenir do que remediar.

Este guia é uma base meramente informativa. Cada uma destas revisões pode variar significativamente, dependendo de uma série de fatores como idade da máquina, estado geral de manutenção, tempo disponível, modelo, etc.

Atenção: Máquinas de bordar devem passar por revisões anuais.

01) Começar se informando com o operador a respeito da máquina. Pergunte se existe algo de errado com algum cabeçote ou outra coisa qualquer. Caso exista, no decorrer da revisão não esqueça de verificar.

02) Começamos sempre pelos tensores de linha os quais são todos desmontados para serem lavados e regulados.

03) Em seguida, retiramos todas as capas dos cabeçotes e desmontamos todas as barras de agulha, calcadores, estica-fios, etc. Os cabeçotes são então lavados, bem como todas as peças retiradas. No decorrer da limpeza vários problemas já poderão ser detectados, como a necessidade da troca dos guias das barras de agulha (NBD), Bases dos guias (“L”), calcadores, capas das barras de agulha, barras de agulha, bielas, amortecedores de silicone, etc. Sempre que as barras forem desmontadas, substitua todos os o´rings por novos.
04) Verificar com o operador onde ele esta lubrificando e com qual freqüência. Lubrificar a máquina com óleo grosso e fino em todos os pontos e graxa branca nos CAMs e estica fios, mostrando ao operador, ou responsável. Não esquecer a lançadeira.

05) Fechar os cabeçotes e já instruir o pessoal para começar a enfiar a linha na máquina. Sempre verifique se a mesma esta sendo enfiada corretamente.

06) Abrir todas as chapas de ponto e limpar as mesmas, verificando se as facas móveis estão com bastante pressão na arruela ondulada. Retire as lançadeiras para limpeza e verifique se não há linha atrás das mesmas. Lançadeiras não devem ter folga entre o berço e o bloco. Verifique também os guias das facas e hooks/ganchos. Ao final passar um compressor e lubrificar inclusive com graxa branca nas engrenagens.

07) Recolocar todas as chapas de ponto com cuidado para que as facas encaixem nos guias. Retire o pantógrafo e solte as chapas protetoras das correias verticais e horizontais. Limpe com um pano, retire poeira e restos de linha, ajuste as correias de acordo com cada modelo de máquina, ajuste os trilhos para que não haja folga lateral, verifique o estado dos rolamentos e finalmente lubrifique-os com óleo grosso – depende do modelo. No caso de máquinas de ponte, retire também os carrinhos da frente junto com as hastes, para facilitar a limpeza, lubrificação e ajuste das correias.

08) Coloque as tampas de volta verificando se elas não estão muito altas ou baixas em relação à mesa. Limpe os feltros do pantógrafo com uma escova para tirar toda a poeira, verifique o estado dos trilhos de teflon e volte com o mesmo para a mesa com o devido cuidado para que ele encaixe nos seus rolamentos. Monte os roletes fixadores do pantógrafo e ajuste os mesmos para que se encostem à lateral do pantógrafo.

09) Abra o Box inferior da máquina retire as placas com muito cuidado e limpe com o compressor (isento de água). Verifique se a ventoinha esta funcionando. Em seguida faça o mesmo com o painel de controle, também verificando as versões de software.

10) Testar a máquina regulando as cápsulas de bobina e tensões da linha superior. Verificar se a mesma esta cortando de acordo.

11) Enquanto isso verifique também se o rebobinador está lubrificado e funcionando de acordo.

Não esquecer de preencher o relatório de visita.

Abaixo uma lista de peças que devem ser substituídas independentemente de seu estado.

O´ring pequeno Amortecedor do calcador
O’ring grande Amortecedor da Barra
Arruela teflon Batente da barra
Capas verm. da barra Bobina
Feltro das barras Arruela das facas
Cápsula de bobina Parafusos da agulha


Para maiores informações, entre em contato com a Assistência Técnica da Barudan.

Recomendamos a realização programada de manutenção preventiva para maior produtividade e custos operacionais reduzidos.

Há duas formas de contratação do serviço:

– Com contrato – Manutenção Preventiva/Corretiva com atendimento imediato e consultoria de manutenção on-line.

-Sem Contrato – Manutenção Preventiva/Corretiva com atendimento mediante solicitação do cliente e programação de visita técnica.

 

Show-room de demonstração de bordados computadorizados, corte automático, possibilitando ao cliente visualizar as operações bem como também conhecer as inúmeras aplicações possibilitadas pelas soluções da BARUDAN.

Treinamento operacional e de programação in company, capacitando novos profissionais e requalificando os que já atuam na área para aplicação das novas técnicas proporcionando maior eficiência e produtividade em equipamentos, acessórios, bordado, CAD, plotter, máquinas de corte automático e enfesto.

O consultor técnico-comercial analisa a necessidade e expectativa, considerando fatores como produto, gestão de qualidade, capacidade produtiva, mercado de atuação, entre vários outros pontos importantes para sugerir as melhores opções de máquinas e equipamentos que atendem a demanda atual e futura.